Home / Barão de Cocais / Idosa de 82 anos é morta por asfixia durante assalto

Idosa de 82 anos é morta por asfixia durante assalto

Com extrema violência uma idosa de 82 anos foi agredida e morta por asfixia por criminosos durante um assalto em sua residência na noite desta sexta-feira, 30 de dezembro de 2016.

Por volta das 21h30 os Policiais Militares da 57ª Companhia de Barão de Cocais foram acionada para comparecer ao Beco Abel Cupertino, no Bairro Garcia, na referida cidade, para verificar a informação de crime violento com morte ocorrido no local.

De acordo com os militares na chegada ao local juntamente com a equipe de Resgate Voluntário GRVE, depararam com a vítima identificada como sendo a idosa Raimunda Luzia de Leles, de 82 anos, já sem vida, sendo o óbito constatado pela equipe GRVE.

Os Militares verificaram que a vitima estava caída ao solo, amordaçada para que não pudesse gritar e pedir por socorro, com as mãos amarradas para trás. O interior da casa estava totalmente revirada.

Diante aos fatos os militares isolaram a residência até a chegada da perícia técnica da Civil, comparecendo o perito Frederico Avelar, que realizou o serviço de praxe. Sendo verificado que o local não foi arrombamento, possivelmente sendo uma pessoa conhecida da vitima que conseguiu adentrar na residência rendendo a vitima, em seguida os autores reviraram os pertences provavelmente à procura de dinheiro e objetos de valor.

A crueldade foi tamanha que os criminosos não satisfeitos em apenas assaltar a vitima, utilizaram um pedaço de pano para amarrar as mãos da idosa para trás e o outro para amordaçá-la, em seguida foi utilizado ainda uma camisa, a qual foi amarrada na cabeça da vítima, na altura do nariz, assim obstruindo as vias aéreas – nariz –.

Foi constatado ainda que a vítima apresentava um ferimento no olho direito, indicativo que ela tenha sido agredida antes de ser amarrada.

Após os trabalhos de praxe o perito liberou o corpo para ser removido ao necrotério para ser examinado pelo médico legista.