Vereadores aprovam LDO que prevê arrecadar mais de R$88mi

Desde que assumiu a presidência interinamente, Guto vem tomando atitudes para reestabelecer a normalidade no Legislativo.

Os vereadores aprovaram na terça-feira (8), por unanimidade, a Lei de Diretrizes Orçamentarias (LDO) para o exercício de 2018 que prevê uma arrecadação de mais de R$ 88 milhões. A reunião, em caráter extraordinário, ocorreu no plenarinho do Legislativo e contou com a presença de todos os vereadores que destacaram a importância da retomada dos trabalhos.

Santa Bárbara/MG – O presidente interino da Câmara Municipal de Santa Bárbara, Carlos Augusto Bicalho Fonseca “Guto” (PDT), destacou que a votação foi importante já que a LDO estava para ser votada desde abril. “Aos poucos vamos dando continuidade aos trabalhos e votando o que é bom para a nossa cidade, o que vai beneficiar a população. Estamos trabalhando pautados pela transparência, zelo, com muita atenção e diálogo para não errar”, explicou.

Desde que assumiu de maneira interina como presidente, Guto Fonseca vem tomando atitudes para reestabelecer a normalidade dos trabalhos dentro no Legislativo e não deixar que projetos importantes deixem de ser votados. “Anunciamos seis medidas importantes para estabelecer a normalidade e a transparência e estamos mantendo o diálogo permanente com todos os vereadores para que, juntos, possamos erguer a Câmara”, garantiu.

Antes do início da reunião, o vereador Luciano Pires (PHS) assumiu a função de secretário e empossou o vereador Geraldo Carneiro (DEM) como primeiro-secretário da mesa diretora – cargo que era ocupado por Ermelindo Ferreira (PSL), afastado por determinação judicial. Até então, Geraldo Carneiro era o segundo-secretário.

Os vereadores voltam a se reunir na quinta-feira (10), às 19h, no plenário Raymundo Júlio de Ramos onde ocorre a reunião ordinária. Na pauta, apenas votação de requerimentos já que os projetos voltaram a ser analisados pelas comissões permanentes e pela Procuradoria Jurídica da Casa que tem um novo titular: o advogado Marcos Ribeiro.