Promotor Guilherme Meneghin participa de debate em Itabira

Encontro foi realizado na Câmara Municipal de vereadores

O Promotor de Justiça veio a Itabira para debater com professores e alunos da Unifei/Itabira sobre os “dois anos do rompimento da barragem da Samarco”.

Itabira/MG – O encontro aconteceu na noite de quarta-feira, 9 de novembro, na Câmara Municipal de Vereadores de Itabira onde esteve presente, dentre vários professores da Unifei, o Promotor de Justiça Gulherme de Sá Meneghin, representante do Ministério Público de Minas Gerais, que encabeça acusação e defesa dos direitos dos atingidos pelo rompimento da Barragem da Samarco em Mariana (MG).

Passados dois anos do maior crime ambiental da história do nosso país, onde foram convidadas as comunidades acadêmica e itabiranos para uma reflexão sobre os impactos desta tragédia.

Os debates estão sendo organizados pela equipe da 4a Arte da Unifei e estão acontecendo no campus da Unifei-Itabira e na Câmara Municipal de Vereadores.

Os convidados foram o Professor Antropólogo Rafael Gropo, e o Promotor de Justiça Guilherme de Sá Meneghin, representante do Ministério Público MG, que coordena os trabalhos na cidade de Mariana para defender os direitos daqueles que foram afetados direto ou indiretamente desde o rompimento da Lama da Samarco no município de Manirana, onde causou além das 19 mortes, vários danos ao meio ambiente e materiais – como imóveis e bens – aos moradores da localidade de Bento Rodrigues.

Confira a live do debate através da 4a Arte. (Obs; aos 2:20 a imagem normaliza).