Quase 4 toneladas de drogas apreendidas

Apreensão ocorreu após acidente com caminhão na MG 436

As barras de maconha prensadas que foram localizadas pela polícia na MG 436 chegaram a quase 4 toneladas. Um homem morreu e um caminhão foi destruído. As rodovias da região entraram definitivamente na rota do tráfico internacional de drogas.

Ao final do registro da ocorrência a Policia Militar contabilizou um total de 3.750 quilos de drogas que vieram de Mato Groso, podendo ser de fora do País.

A droga foi apreendida após um acidente neste sábado, 9 de dezembro de 2017, na rodovia MG-436, no km 8 no Distrito de Cocais, quando um caminhão caiu numa ribanceira e uma pessoa veio a óbito.

O mais interessante é que o caminhão percorreu vários regiões desde que saiu do Estado do Mato Grosso do Sul, e ninguém suspeitava da carga ou fiscalizava as notas fiscais.

Somente após o acidente com o caminhão VW Volkswagen 24.250 CNC, cor branca, placa MFQ-8597 de Blumenau/SC, que ficou completamente destruído, é que veio a tona o que na verdade ele transportava.

Com a ajuda de vários populares os policiais apreenderam as drogas que foram colocadas nas viaturas da Policia Militar e levadas para o 26° Batalhão da Policia Militar em Itabira. Ao termino da contabilidade e registro da ocorrência da Policia Rodoviária Estadual (PRE), foi verificado que seriam 3.750 kg de maconha. Também foram apreendidos R$ 2.032,00 reais e dois aparelhos celulares apreendidos.

Os aparelhos celulares podem conter informações importantes para a policia Investigativa traçar a rota desta carga, bem como contatos e conversas com os comparsas dessa pessoa que veio a falecer.

Toda a droga seria entregue na Delegacia de Policia Civil, no bairro Campestre, em Itabira, onde o Delegado de plantão Dr. Valdomiro tomaria as devidas providencias sobre o armazenamento e destinação das barras de maconha.

A destinação desta droga deve ser a mesma, e de forma rápida, como ocorreu com 460 kg de drogas apreendidos na semana passada em Bom Jesus do Amparo, na BR 381, que foram incineradas no auto forno da empresa Gerdau em Barão de Cocais.

Matéria relacionada

Caminhão com drogas e farelo de trigo cai em ribanceira