Ronaldo Magalhães convoca reunião emergencial

O Prefeito de Itabira, Ronaldo Lage Magalhães, se reuniu com sua equipe gerencial de governo para assegurar manutenção dos serviços essenciais em Itabira durante a crise de desabastecimento.

Administração municipal decide plano de contingência para manutenção de serviços públicos e garante pagamento do salário dos servidores no 5º dia útil.

Itabira/MG – O prefeito de Itabira, Ronaldo Magalhães, reuniu-se na manhã desta sexta-feira (25) com os secretários municipais e o presidente da Câmara de Vereadores, Neidson Dias Freitas, para discutir ações que irão garantir a manutenção de serviços essenciais em Itabira durante a crise do desabastecimento gerada pela paralisação nacional dos caminhoneiros.

Apesar de ter decretado na quinta-feira (24) ponto facultativo para o funcionalismo público do município nos dias 25, 26 e 28 de maio, o prefeito determinou que o trabalho de processamento da folha fosse mantido para assegurar o pagamento dos servidores no 5º dia útil do mês de junho.

A Prefeitura também adotou medidas para manter combustível suficiente para os serviços essenciais na área da Saúde. Dessa forma, as ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), o transporte dos pacientes da hemodiálise e os demais atendimentos essenciais continuam em pleno funcionamento.

Durante a reunião, o prefeito também demonstrou preocupação com a situação dos alunos da rede municipal de ensino. “A paralisação dos caminhoneiros, além de ter afetado o transporte escolar, pode deixar faltar itens da merenda escolar nas escolas”, enfatizou Ronaldo.

Com relação à limpeza urbana nos próximos dias, o prefeito informou que a coleta do lixo continuará sendo realizada no município, mesmo que de modo reduzido.

Uma nova reunião está agendada para a próxima segunda-feira (28) para avaliar a situação atual e, se necessário, tomar novas medidas de manutenção dos serviços essenciais.

Fonte: PMI

Matérias relacionadas

Prefeito e Governo decreta ponto facultativo 

CAOS: Caminhoneiros continuam em greve em quase todo o país

Acabou o combustível em postos de Itabira