Inscrições abertas no 3º Festival de Violões de Ouro Branco

De 7 a 9 de setembro encontro reúne violonistas no interior de Minas e conta com programação intensa de concertos e cursos. Músicos interessados podem se inscrever até o dia 20 de agosto.

Casa de Música de Ouro Branco/divulgação

A terceira edição do Festival de Violões José Lucena de Ouro Branco traz para o interior de Minas uma programação artística e pedagógica de qualidade internacional. De 7 a 9 de setembro, a cidade recebe músicos de todo o país, cursos e concertos, além das atividades com foco na formação e inclusão social de crianças e jovens.

Ouro Branco/MG – “O Festival de Violões tem como objetivo incentivar o estudo do instrumento na cidade e manter uma agenda musical capaz de apresentar à população uma música de qualidade e de alto nível técnico. Isso só é possível através do patrocínio da Prefeitura Municipal de Ouro Branco, com apoio do Hotel Verdes Mares e da Casa de Música”, explica o violonista violonista Leonardo Amorim, responsável pelo evento.

A programação será divulgada em breve, mas já estão confirmadas as presenças dos violonistas Flavio Barbeitas, Alessandro Penezzi e Thiago Colombo. Os dois últimos, além de se apresentarem, ministrarão masterclass e oficinas de música de câmara e orquestra de violões.

Thiago Colombo é músico e professor do Centro de Artes da Universidade Federal de Pelotas. É Bacharel e mestre em música pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul e doutor pela Universidade Federal da Bahia. Recebeu prêmios em concursos diversos e participou de festivais no Brasil e exterior.

Alessandro Penezzi já integrou diversos grupos e atuou com nomes como Yamandú Costa, Rogério Caetano, Dominguinhos, Hermeto Pascoal, Zimbo Trio, Beth Carvalho, Sílvio Caldas, e as orquestras Jazz Sinfônica de São Paulo e Sinfônica de Londres, além de ter aberto o show de Wayne Shorter em um festival na Macedônia.  Recebeu homenagens e indicações por sua atuação como instrumentista e compositor.

Já Flavio Barbeitas é formado em música pela UFRJ, onde também cursou mestrado com uma pesquisa sobre as valsas de Francisco Mignone, obras então quase completamente desconhecidas no próprio meio violonístico.  Teve  como professores alguns importantes nomes do violão brasileiro , como Léo Soares, Henrique Pinto, Turíbio Santos. Atualmente é professor na Escola de Música da UFMG.

As inscrições  podem ser feitas até o dia 20 de agosto por meio de um formulário disponível na página do festival no Facebook (https://www.facebook.com/festivaldeviolao.ob). São 30 vagas para alunos de Ouro Branco e 10 para alunos de outras cidades. No caso de haver um número maior de inscritos será feita uma seleção dos participantes.

Mais informações pelo email festivaldeviolao.ob@gmail.com