Estudante deve apresentar cartão de vacina atualizado no ato da matrícula

Recomendação da mesma natureza foi feita às instituições particulares, federal e estaduais.

Acom/PMI

A partir deste ano, todas as instituições de ensino instaladas no município, sejam da rede privada ou particular, deverão solicitar aos estudantes ou responsáveis, no ato da matrícula ou renovação, uma declaração de que o cartão de vacinas do aluno está atualizado. A recomendação é da Secretaria Municipal de Saúde, que já solicitou à Secretaria Municipal de Educação que faça a exigência na rede de ensino. Recomendação da mesma natureza foi feita às instituições particulares, federal e estaduais.

Itabira/MG – De acordo com Superintendente de Vigilância em Saúde, a Secretaria de Saúde tomou esta medida para aumentar a cobertura vacinal de crianças, adolescentes e adultos. “Muitas vezes os pais se esquecem de conferir o cartão de vacinas do filho e o adulto também deixa de fazer alguma imunização. Esta foi uma das formas que encontramos para prevenirmos diversos tipos de doenças evitáveis por vacinas que podem acometer a população”, explica a superintendente.

A declaração que o pai ou responsável apresentará na escola no ato da matrícula ou renovação, será expedida por um profissional do PSF de origem do estudante, da clínica ou consultório onde o estudante foi imunizado. O profissional avalia a caderneta de vacinas e, se necessário, atualiza com aplicação da vacina que faltar. Estudantes que preferirem, podem fazer a solicitação de uma declaração ao médico da rede particular ou de convênios.

“O mais importante é apresentar o documento. Além de ser uma oportunidade para o estudante atualizar o cartão de vacinas, será momento para fazermos uma busca ativa direcionada daqueles que por algum motivo não puderam atualizar o cartão no momento da emissão da declaração. É uma força-tarefa que estamos realizando, com a participação das escolas, para assegurarmos o maior número possível de cobertura vacinal e proteção da população”, explica Thereza Andrade.