Barragens: Interassociação de bairros cobra explicações da Vale

A Inter cobra que a empresa a transparência na publicação de dados oficiais sobre o assunto e acusa a Vale de até o momento não externar de forma ampla quais e que tipos de ações estão sendo tomadas como medidas preventivas.

Barragem Itabiruçu - Itabira

A presidente da Interassociação de Bairros de Itabira, Maria das Graças Felipe de Lelis, encaminhou no final da semana passada um oficio ao gerente geral da Vale em Itabira, Rodrigo Chaves, cobrando explicações quanto a atual condição de segurança das barragens instaladas no município. O documento também pede que a empresa dê informações sobre a aplicação do Plano de Ação de Emergência das Barragens de Mineração.

A Inter cobra que a empresa a transparência na publicação de dados oficiais sobre o assunto e acusa a Vale de até o momento não externar de forma ampla quais e que tipos de ações estão sendo tomadas como medidas preventivas. Ainda de acordo com o documento, no dia três de fevereiro, em reunião realizada com os representantes de bairros, vários questionamentos foram levantados, mas a população está sem resposta.

“Na oportunidade solicitamos a apresentação das informações em reuniões realizadas em caráter imediato em conjunto com a Interassociação, associações moradores, outras entidades civis que realizam atividade relacionadas ao tema, como o Crea, Defesa Civil Municipal, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, Cruz Vermelha e outros segmentos que possam efetivamente contribuir com sugestões no tange ao assunto”, diz o oficio.

Presença na Câmara- O gerente da Vale, Rodrigo Chaves encaminhou um oficio ao presidente da Câmara Municipal, Heraldo Noronha Rodrigues (PTB), informando que sua presença na reunião dos vereadores poderá ocorrer na próxima terça-feira, dia 19.

Por meio do documento, Rodrigo Chaves informou que “todas as barragens de Itabira estão em absoluta normalidade e que a Vale segue acompanhando cada uma delas”.

No ofício, ele destacou a criação de um grupo de trabalho que que deve apresentar nos próximos dias um plano para elevar o padrão de segurança “para além daqueles praticados como referência mundial”.

Matérias relacionadas

Gerente geral da Vale em Itabira deve ir à Câmara no dia 19

Vereador quer audiência para Vale falar das barragens de Itabira

Prefeito tranquiliza população sobre barragens itabiranas

CDL/BH doa meias e peças íntimas para bombeiros em Brumadinho

Metabase Itabira conhece de perto a tragédia em Brumadinho

Metabase Itabira declara luto por Brumadinho

Equipe da CRMV-MG resgata 36 animais em Brumadinho

Vale em Itabira não para, diz nota

Engenheiro preso ganhou prêmio por estudo no Itabiruçu

Vereador convida gerentes da Vale em Itabira para esclarecer sobre barragens

Civil prende engenheiros que prestaram serviço à Vale

Corpo de itabirano é localizado após desastre ambiental

60 mortos e 292 desaparecidos em Brumadinho

Ronaldo vai cobrar da Vale diagnostico das Barragens em Itabira

Brumadinho: Sirenes são acionadas durante a madrugada

Sindicato dos Vigilantes cobra da Vale e autoridades urgência em Brumadinho

Brumadinho ainda tem 299 pessoas desaparecidas

Rompimento de barragem em Brumadinho aumenta alerta em Itabira

Nota do Metabase sobre rompimento de barragem em Brumadinho

Justiça bloqueia R$ 1 bilhão da Vale

Rompimento de barragem em Brumadinho