Acita celebra Dia Internacional da Mulher com histórias inspiradoras

Cada participante do Painel com mulheres Empreendedoras destacou uma história de lutas e empoderamento.

Acita/divulgação

Uma manhã de exemplos de empoderamento feminino e superação. Assim ficou marcado o dia Internacional da Mulher na Acita – Associação Comercial Industrial de Serviços e Agropecuária de Itabira. O dia 8 de março é sempre lembrado pela história de luta da mulher em busca de igualdade e respeito. A Acita Mulher, programa desenvolvido pela entidade, trouxe para discussão o tema “Liderança Feminina”, com o Painel: Mulheres Empreendedoras.

No início do evento o presidente da Acita, Eugênio Müller parabenizou as mulheres pelo seu dia e destacou o protagonismo feminino em qualquer segmento em que ela atue. A presidente da Acita Mulher, Cidinha Lana, mencionou o diferencial da mulher para a liderança.O evento aconteceu no auditório da Acita e contou também com a presença da vice-prefeita, Dalma Barcelos. Em seu pronunciamento, Dalma falou um pouco da sua história como mãe, empresária e agora como vice-prefeita, a primeira mulher a assumir o cargo em Itabira.

Cada participante do Painel com mulheres Empreendedoras destacou uma história de lutas e empoderamento. Representando a área da saúde, Dra. Valéria Moreno Jacinto, médica ginecologista e obstetra, sexóloga e diretora regional da Socimig – Associação dos Ginecologistas e Obstetras de Minas Gerais pontuou a conquista das mulheres com a liberação da pílula anticoncepcional. Segundo a médica a partir da criação e difusão do método contraceptivo a mulher teve mais liberdade e passou a ver o sexo não só para procriação, mas para o sua satisfação pessoal.A pedagoga e especialista em processo Ensino-Aprendizagem, Regina Maria Pimentel de Caux, mostrou para o público que uma mulher pode conquistar o que quiser, basta focar no investimento pessoal. Com a sua formação e sempre em busca de novos conhecimentos, Regina, que esteve à frente da Superintendência Regional de Nova Era, conseguiu desenvolver projetos que auxiliaram alunos de escolas públicas da região. “A cada dia a gente pode fazer um pouco melhor”, garante a educadora.

Uma mulher a frente de uma empresa onde a maioria dos funcionários são homens, assim é Cláudia Procópio. Atualmente é sócia-diretora da Dismacon, empresa de distribuição de materiais de construção. A empresária contou a sua trajetória e as dificuldades enfrentadas no início da carreira. Ela disse que a princípio muitos desacreditaram em seu trabalho, mas hoje a situação é bem diferente. Com habilidade, dedicação e respeito ela conseguiu demonstrar o seu potencial na gestão dos negócios e hoje tem a admiração de toda a equipe.

“Acredito que o principal para enfrentar qualquer problema, seja doença ou o que for, é ter amor próprio”. Com esta fala Liziane Bruna Barcelos iniciou o seu depoimento. Aos 32 anos a coach de saúde, funcionária pública e palestrante foi surpreendida com o diagnóstico de câncer de mama. Do susto veio a superação. E sempre com um sorriso nos lábios e uma palavra de força e fé, ela vem enfrentando a doença. Após a descoberta do câncer, Liziane resolveu lutar pela vida, encarar a doença e compartilhar sua luta com outras pessoas que também passam por um tratamento. Ela conta a sua história para milhares de pessoas nas redes sociais e ainda oferece apoio a quem precisa. Liziane emocionou a plateia. “O câncer não é um vilão, é um professor. Tudo tem o lado bom, basta você se amar e conhecer. O amor próprio é o segredo de qualquer liderança feminina”, finalizou.

Written by Michele