HNSD recebe duas secadoras de roupas da Cemig

Máquinas vão equipar a lavanderia da instituição

HNSD/divulgação

A Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) entregou na quinta-feira, 11 de abril, ao Hospital Nossa Senhora das Dores (HNSD) duas secadoras de roupas, que irão equipar a lavanderia da instituição.

As máquinas foram doadas por meio do Programa Energia Inteligente da companhia, que tem como objetivo contribuir para a redução dos gastos com energia energética, “possibilitando a adequação do orçamento para investimentos em melhorias nos atendimentos à população do município”.

As duas secadoras, mais modernas e eficientes, têm capacidade para secar 50 quilos cada e devem garantir ainda mais agilidade na execução dos processos da lavanderia do hospital. Os equipamentos têm o custo total de R$131.003,52 e foram entregues pelo agente de relacionamento institucional social, Lucimar Lucas Queiroz.

“Os modelos de secadoras são desenvolvidos com tecnologias capazes de evitar o superaquecimento, característica fundamental para a conservação das roupas e, principalmente, para a segurança dos profissionais da saúde”, explicou o engenheiro de eficiência energética da Cemig, Fernando Queiroz.

O provedor do HNSD, Vaquimar Vaz, foi quem recebeu os equipamentos. Segundo ele, a doação foi muito bem-vinda. Principalmente por ser na semana em que a instituição comemora seus 160 anos de existência. As duas secadoras, conforme frisou, “trarão mais eficiência na prestação do serviço hospitalar”.

“Nós temos uma demanda muito grande no setor de lavanderia. Estas duas secadoras com certeza trarão uma excelente contribuição e um grande retorno aos nossos pacientes, que contarão com um serviço de excelência, ágil e prático. Estamos muito satisfeitos com a doação”, comemorou o provedor.

Programa – Com a iniciativa, a Cemig busca contribuir para que os hospitais reduzam a parcela do orçamento destinada à conta de energia e ofereçam mais conforto em suas instalações. Para a modernização dos equipamentos, o Programa Energia Inteligente está destinando mais de R$ 130 mil.