Alunos fazem protesto contra redução nos investimentos da Educação

Em Itabira, centenas de alunos participaram.

Uma passeata foi realizada na manhã desta quarta-feira, 15 de maio de 2019, por vários estudantes da Unifei, Escolas Estaduais e professores em defesa da educação e contra o bloqueio de recursos na casa de cerca de 30% do orçamento de despesas para custeio das universidades e institutos federais como foi anunciado pelo Ministério da Educação (MEC).

De acordo com a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), greves e atos foram convocados em todo o Brasil e a cidade de Itabira não podia ficar de fora destas manifestações.

A caminhada saiu do largo, ao lado do terminal rodoviário, e seguiu pela Avenida João Pinheiro em sentido a Praça Acrísio de Alvarenga, também no Centro, local onde o microfone foi aberto a quem quisesse se manifestar.

As informações eram que em assembleia realizada os alunos aderiram a paralisação e ações que tem grande importância para lutarem por uma educação de nível bom e contra os cortes propostos pelo atual governo.

A maioria dos alunos da Unifei/Itabira esteve presente, se somando aos diversos representantes das demais categorias que abraçaram esta causa. Houve também representantes da CUT, do Sindicato dos Servidores Públicos de Itabira, Sindicato Metabase de Itabira, entre outros. O vereador André Viana também esteve presente na caminhada.

Os estudantes acreditam que esses cortes podem trazer grandes perdas nos investimentos e trabalhos desenvolvidos na UNIFEI, e o que está acontecendo influi diretamente sobre cada um dos alunos.

De acordo com os organizadores outros protestos devem acontecer no próximo mês, onde devem pressionar também os deputados para que não seja aprovada a redução nos recursos da educação.