Unidades do MCMV serão entregues em 25 de outubro

Acom/PMI
Acom/PMI

O dia 25 de outubro marcará a concretização do sonho da casa própria para 400 famílias de Itabira. Na data, a Prefeitura e a Caixa Econômica Federal (CEF) entregarão as chaves do novo lar para os contemplados dos conjuntos habitacionais do Fênix, Abóboras e Barreiro. A ação é apontada pelo governo local como o maior programa habitacional promovido na cidade, já que é inédita a entrega dessa quantidade de imóveis de uma só vez.

O evento está agendado para as 14 horas, no residencial do bairro Fênix, localizado próximo ao 26º Batalhão de Polícia Militar. A data foi confirmada pela CEF junto à União. É aguardada a confirmação de representantes do Ministério do Desenvolvimento Regional, pasta responsável pelo programa.

Nessa terça-feira (8), a prefeita em exercício, Dalma Barcelos, realizou no gabinete um último sorteio de designação de unidades, dessa vez para 74 famílias que estavam com pendências de documentação e não foram incluídas na distribuição dos endereços ocorrida entre 23 e 25 de setembro.

Já nos dias 14 e 15 de outubro, todos os beneficiários assinarão os contratos de financiamento. Eles serão recebidos pela CEF no paço municipal em horários agendados por conjunto habitacional – Abóboras, das 13 às 16 horas do dia 14; Fênix, das 16 às 19 horas, na mesma data; e Barreiro, no dia 15, a partir das 9 horas.

Presente
O prefeito Ronaldo Magalhães destaca que a entrega das unidades ocorrerá em período oportuno: no mês de aniversário da cidade. Itabira celebra nesta quarta-feira (9), 171 anos de emancipação político-administrativa. “Iniciamos o governo em 2017 com dificuldades, mas, hoje estamos avançando no desenvolvimento de Itabira. A entrega dos apartamentos é uma grande realização e tem participação efetiva da Prefeitura, em um compromisso com aqueles que mais precisam”, afirmou o chefe do Executivo.

Expectativa
“Nós moramos de favor com parentes e não temos condições de estar em outro lugar. A gente não vê a hora de entrar em nossa casa, que será nossa, de verdade, e ter um lugar confortável pro Daniel (filho) crescer”, contou Fábio Silva Gorino, auxiliar de serviços gerais, ao lado da mulher, Jéssica Fernando Patrocínio Souza Gorino, e o filho, de quatro anos. A família pôde conhecer o apartamento em que vai morar no bairro Abóboras na semana que passou, durante vistoria técnica da unidade, quando não contiveram as emoções.

Estrutura

Os condomínios têm 128 unidades no Fênix e também no Abóboras, e 144 no Barreiro. Cada unidade possui 45 m², com dois quartos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço. Os conjuntos têm sistemas de energia fotovoltaica para atender as áreas comuns, medição de água individualizada por bloco, playground, centro social e outros espaços. A conquista foi anunciada por Ronaldo Magalhães em 2018, com um investimento de R$ 35 milhões entre Prefeitura e Ministério do Desenvolvimento Regional. São beneficiadas famílias com renda mensal até R$ 1,8 mil.