Cinco menores são apreendidos por tentativa de roubo

A Polícia Militar registrou na noite da terça-feira (14) uma tentativa de roubo. Nesta ação criminosa o que chama atenção no registro policial foi à idade dos detidos, seriam todos menores infratores, onde três tinha idade de 12 anos, um de 13 anos e o quinto e mais velho tem apenas 15 anos.

Mesmo com a baixa idade os Militares ficaram espantado pelo fato deles estarem envolvidos nos atos criminosos desde tão cedo.

Os policiais chegaram até os adolescentes depois de receberem uma ligação do roubo tentado. Onde a vítima, de 45 anos, contou que manuseava o seu celular quando foi abordada pelo bando formado por cinco. Um dos meninos tinha uma arma na mão e anunciou o assalto.

Assustada e repentinamente a vítima colocou o celular dentro da bolsa e arremessou o objeto em cima de um carro que estava nas proximidades e pediu socorro. O motorista do veículo apareceu e espantou os jovens infratores, que saíram correndo sentido ao Real Esporte Clube, em João Monlevade.

Pouco tempo depois, os jovens foram avistados pelos militares em frente à agência do banco Sicoob. Um dos adolescentes saiu correndo e fugiu.

Os meninos que ficaram no local apontaram outro rapaz como o mentor do crime. Seria dele a arma de brinquedo usada na ação. A polícia localizou o suspeito portando na cintura uma réplica de arma de fogo.

Agressões da mãe

Durante confecção do registro policial foi percebido pela equipe que um dos menores apresentava algumas lesões. Ele alegou que os machucados foram provocados por sua mãe. A mulher não foi encontrada pela polícia e o menor foi levado para atendimento médico no Hospital Margarida. Ele permaneceu em observação devido aos maus tratos sofridos.

Fonte: Bell Silva/O Popular