Chuvas: 180 desalojados em Santa Maria

A Cidade de Santa Maria de Itabira, que fica a cerca de 133 km da capital Belo Horizonte/MG, já tem 180 desalojados. Em alguns lugares na zona rural está muito difícil chegar. 

Com cerca de 600 km de estradas rurais, um total de 72 comunidades que somam cerca de 60% da população, Santa Maria está sofrendo com os problemas causados pelas tempestades.

Ao menos seis comunidades, com cerca de 60 famílias, estão ilhadas ou com acesso restrito por causa da queda de pontes.

Prefeito Reinaldo Santos

O prefeito santa-mariense Reinaldo das Dores Santos (Pros) decretou estado de emergência na cidade e está pedindo donativos para auxiliar as famílias que ficaram desalojadas. “Estamos fazendo o levantamento dos danos, mas posso dizer que temos muitas famílias desalojadas ou desabrigadas”, disse o prefeito.

Ele disse que não se lembra de uma chuva que tenha causado tantos estragos na cidade como as atuais. “Foi lamentável. Temos várias pontes destruídas, tem pessoas que não conseguem vir para a cidade por causa de bloqueio nas estradas e porque a chuva levou um monte de pontes. Não importa se era de arame, madeira ou concreto. Sumiram várias”, lamentou Reinaldo Santos.

O coordenador da Defesa Civil de Santa Maria de Itabira e chefe de Gabinete de Reinaldo Santos, Eduardo Martins dos Santos, informou que quatro equipes saíram a campo para fazer o levantamento dos danos. Até ontem à tarde, já havia coberto um total de 50% da área do município. “Mas está muito difícil chegar em vários lugares”, lamentou ele.

Fonte: Diário de Itabira 

Matérias relacionadas: 

Sobe para 53 mortes por causa das chuvas em Minas Gerais

Chuva: BH debaixo d’água novamente

Defesa Civil alerta sobre chuva de granizo no Médio Piracicaba