53 mortes por causa das chuvas em Minas Gerais

Ver mais +

Ten.Cel Flavio Godinho Defesa Civil MG

Subiu para 53 o número de mortes em decorrência das chuvas que atingem o estado de Minas Gerais nos últimos dias. O coordenador adjunto da Defesa Civil de MG, tenente coronel Flávio Godinho, divulgou às 10h de hoje um relatório com os números no estado.

Segundo ele, as chuvas que caíram na Região Metropolitana de Belo Horizonte na noite de ontem causaram a morte de um homem de 45 anos em Nova Lima, após o desabamento de uma casa. Ainda segundo o coordenador da Defesa Civil do estado, uma mulher da cidade de Tabuleiro está desaparecida desde a noite de ontem. A suspeita é que ela tenha sido arrastada dentro de seu veículo no momento do temporal.

Em poucas horas a chuva causou um grande estrago em Belo Horizonte e região. Na capital, as regiões do Barreiro, Centro Sul e Oeste foram as mais atingidas. Na avenida Tereza Cristina uma cratera abriu em uma das vias. No BH Shopping, parte do teto desabou e assustou os clientes que estavam no momento. Avenidas como Barão Homem de Melo, Silva Lobo e Professor Mário Werneck, todas na Região Oeste, também foram alagadas. Houve também carros sendo arrastados nas principais vias da capital.

Vídeos da Chuva em Minas Gerais

Em tempo – Uma mulher esta desaparecida na cidade de Tabuleiro, informações ainda não confirmadas seriam que o carro com uma mulher sem vida teria sido localizado, se confirmar esta nova informação os números de mortos sobem para 54 no Estado.

Matérias relacionadas: 

Chuva: BH debaixo d’água novamente

Defesa Civil alerta sobre chuva de granizo no Médio Piracicaba