CDL Itabira – diretrizes para enfrentar o Coronavírus

 

Maurício Martins, presidente da instituição, reiterou que o momento é de aplicação de ações preventivas e o fechamento do comércio, neste momento, é descartado

Em virtude do avanço do Coronavírus (Covid-19) no Brasil, a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Itabira recomenda aos seus associados que adotem algumas diretrizes preventivas. O vírus circula em todos os continentes e a situação foi classificada como pandemia pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

A CDL Itabira segue as orientações emitidas pelo Ministério da Saúde e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL). As recomendações tratam sobre o atendimento ao público, colaboradores, eventos e reuniões, além de trazer uma campanha informativa sobre o assunto.

Nessa segunda-feira (16), o prefeito Ronaldo Lage Magalhães assinou o Decreto nº 3.164/2020, que dispõe sobre as medidas para enfrentamento ao Coronavírus no município. O documento estabelece que Itabira está em situação de emergência em saúde pública.

“A nossa intenção é esclarecer a situação e evitar as fakes news. Não há nenhuma intenção de fechamento do comércio. A nossa proposta é orientar sobre o atendimento e outros procedimentos que podem ser adotados. Estamos monitorando a situação em Itabira e qualquer novidade será, por nós, anunciada”, declarou o presidente da CDL Itabira, Maurício Martins.

Para ele, o fechamento dos estabelecimentos comerciais causaria um caos muito grande, tanto para o lojista, quanto para o consumidor. “Imagine todos os comércios fechados e as pessoas precisando comprar alimentos, itens de higiene, medicamentos. Nesse momento, esse é um cenário desnecessário”, concluiu Maurício Martins.

*Atendimento ao público*

A CDL orienta aos seus associados que, em suas áreas de atendimento ao público, seja disponibilizado álcool em gel aos clientes. O grau alcoólico recomendado é de 70%. A frequência da limpeza de pisos, corrimãos, maçanetas e banheiros deve ser ampliada e feita com álcool em gel ou solução de água sanitária.

O atendimento presencial deve ser feito a uma distância de, pelo menos, um metro entre as pessoas. Já os atendimentos ao público externo, assim como visitas fora do ambiente de trabalho, devem ser substituídos por contatos por meios digitais.

*Colaboradores*

Os colaboradores que pertencem ao grupo de risco (idosos, diabéticos, hipertensos, pessoas com insuficiência renal e tenham doença respiratória crônica) devem, se possível, serem orientados a realizarem suas atividades home office.

Colabores com férias vencidas ou próximas do vencimento, se possível, devem ser recomendados a aproveitar este momento para fazer uso do direito. Empresas com banco de horas também devem utilizar do registro para conceder folgas.

Todos colaboradores com suspeita de vírus devem imediatamente ficar em isolamento em suas residências.

Utensílios como copos, xícaras, pratos e talheres não devem ser compartilhados.

*Eventos e reuniões*

A CDL Itabira orienta que os associados evitem reuniões e eventos presenciais. Desta forma, todas as agendas da instituição previstas até o final do mês foram adiados. O prêmio “Mulher que Faz”, que aconteceria dia 26 de março foi adiado (data ainda a ser divulgada). O Workshop de Alto desempenho em Vendas, com Cristiano Lopes, previsto para 2 de abril foi adiado, a princípio, para 6 de maio. O lançamento do Mérito Lojista 2020, previsto para 3 de abril, também foi adiado. A nova data será divulgada em breve.

A sugestão é que, no lugar dos encontros presenciais, seja dada preferência às videoconferências, ligações telefônicas e contato pelas redes sociais.

*Campanha*

Câmara de Dirigentes Lojistas de Itabira mobiliza esforços para conter a evolução da doença. A entidade divulga, em breve, uma campanha interna de prevenção ao Covid-19. O material estará disponível nas redes sociais da entidade. O público-alvo será os estabelecimentos comerciais, trabalhadores e a população. https://www.facebook.com/CDLItabira/