Cobrar mais caro no álcool em gel é crime, diz Fabrício

Chame a Policia Militar e faça ocorrência, disse o secretário executivo do Procon Itabira, doutor Fabrício Chaves Pinto, quando o usuário perceber o superfaturamento no preço do álcool em gel no comércio.

Em entrevista a nossa reportagem o Fabrício Chave relatou ser crime as pessoas aproveitarem deste momento em que a uma pandemia (do Coronavírus – Covid-19) e o álcool sumiu do mercado, e assim que chega nos comércios e os empresários aproveitarem para lucrar aumentando os presos.

A população pode e deve acionar a Policia Militar bem como denunciar ao Procon de sua cidade quando isso for percebido, assim podemos tomar as devidas providencias.

Confira a entrevista no Procon:

Matérias relacionadas: 

UNICA vai doar álcool para unidades de saúde conterem o Coronavírus

Confira em vídeo a procura de álcool em gel em Itabira 

Informe epidemiológico coronavírus

Procura-se álcool em gel em Itabira

ANTT suspende viagens internacionais por ônibus devido ao coronavírus

Procon Itabira atenderá somente por agendamento, Fabrício

Rio de Janeiro tem 49 casos confirmados de coronavírus 

CDL Itabira – diretrizes para enfrentar o Coronavírus

Cidade do Rio de Janeiro decreta situação de emergência

Governo pedirá reconhecimento de calamidade pública no país