Crédito: FCCDA

FCCDA mantém espaços fechados e aulas na Escola de Música suspensas

Com objetivo de prevenir a propagação do novo coronavírus (Covid-19), a Fundação Cultural Carlos Drummond de Andrade (FCCDA) manterá em abril as medidas de enfrentamento da pandemia já adotadas durante o mês de março. As ações incluem fechamento dos Espaços de Cultura para visitação, suspensão das aulas na Escola Livre de Música de Itabira (ELMI) e de qualquer evento cultural.

Todas as medidas estão em conformidade com as diretrizes estabelecidas pela Prefeitura Municipal de Itabira no Decreto Nº 3.208/2020, que prorroga o artigo 7º do Decreto Nº 3.164/2020 e mantém a situação de emergência em saúde pública em Itabira, e pela Portaria Nº 043/2020, que estabelece medidas temporárias de trabalho na administração pública para a prevenção ao contágio pelo Covid-19.

Dessa forma, a FCCDA seguirá mantendo os seus Espaços de Cultura fechados até o dia 30 de abril. Com isso, Casa de Drummond, Fazenda do Pontal e Memorial Carlos Drummond de Andrade não receberão nenhum visitante durante o período. As visitas guiadas pelos Caminhos Drummondiandos também estão suspensas até o fim do mês.

Os ensaios dos Corpos Estáveis da instituição (Coral da FCCDA, Drummonzinhos, Grupo Folclórico Tumbaitá e Orquestra de Câmara de Escola Livre de Música de Itabira) foram cancelados. Além disso, as aulas da ELMI continuarão suspensas até o final de abril — a reposição delas será discutida futuramente com alunos e professores.

A FCCDA também seguirá sem realizar eventos durante o período. Todas as medidas podem ser prorrogadas em atendimento ao interesse público.

Escala de trabalho
Durante o mês de abril, a FCCDA adotará as ações estabelecidas pela Portaria Nº 043/2020. Assim, os colaboradores com direito a férias-prêmio, férias regulares e a utilizar saldo de folgas terão esses benefícios adiantados e poderão se manter em isolamento domiciliar. As mesmas medidas serão adotadas para aqueles que integram os grupos de risco para contaminação de Covid-19.

Dessa forma, apenas parte dos funcionários seguirão trabalhando em regime de escala para dar seguimento às demandas da instituição. Sempre observando os protocolos de segurança recomendados pelas organizações nacionais e mundiais de saúde.

Todos os atendimentos presenciais ao público estão cancelados. Para dúvidas e informações favor ligar para o telefone (31) 3835-2102 ou entrar em contato pelo e-mail [email protected]