Ilustração/Crédito: Agência Brasil

Sebrae e Cemig vão orientar pequenos negócios a reduzir gastos com energia

Ilustração/Crédito: Agência Brasil

Iniciativa é voltada para padarias, indústrias, minimercados, açougues e meios de hospedagem sobre o uso eficiente da energia e fontes renováveis.

Neste período de instabilidade econômica, o desafio é fazer mais gastando menos, e o uso consciente de energia pode ser uma das soluções para pequenos negócios. Pensando nisso, o Sebrae Minas e a Cemig SIM, empresa do Grupo Cemig, criaram a Trilha Digital Eficiência Energética, uma série de conteúdos exclusivos para padarias, indústrias, minimercados, açougues e meios de hospedagem que queiram reduzir a conta de luz e ainda preservar o meio ambiente. Amanhã (11/09), às 10h, será promovida uma live com especialistas que darão dicas para quem quer economizar em tempos de crise. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo link.

Para ter acesso a Trilha Digital, os interessados devem se cadastrar gratuitamente no site do Sebrae Minas. Os empresários e empreendedores receberão automaticamente dois e-mails com informações, orientações e infográficos sobre eficiência energética nas empresas e energia solar fotovoltaica. “Queremos conscientizar os donos de pequenos negócios, principalmente, daqueles segmentos que mais consomem energia, sobre boas práticas em eficiência energética e ainda alternativas de sistemas de geração de energia própria, como é o caso da fotovoltaica”, explica a analista do Sebrae Minas Nathália Milagres.

Com eficiência energética a empresa pode manter sua atividade utilizando menor quantidade de energia, sem que a qualidade seja comprometida. “Um exemplo disso, é trocar o equipamento de ar condicionado antigo por um mais moderno e eficiente. Essa medida vai reduzir o consumo de energia sem causar o desconforto dos clientes que estão dentro da loja”, afirma Nathália.

Dessa maneira, quanto maior a eficiência – eliminando desperdícios, perdas e agregando valor aos processos, produtos e serviços -, maiores serão os lucros da empresa. “Temos nossos clientes no centro das decisões e trabalhamos para proporcionar soluções inovadoras e inteligentes para o uso eficiente dos recursos energéticos. É possível reduzir o custo da energia por meio da adesão, sem investimentos, a uma das nossas comunidades solares ou, caso o cliente queira investir e economizar ainda mais, podemos instalar a usina na própria empresa dele”, justifica o diretor-presidente da Cemig SIM, Danilo Gusmão Araújo.

Vale lembrar que a maior parte da energia elétrica gerada do Brasil vem de fontes renováveis como água (hidrelétricas), vento (eólicas), biomassa e sol (solar), destacando-se como alternativa mais sustentável e mais barata. “Tenho certeza de que reduzir custos operacionais será de grande ajuda para que os empreendedores possam se reerguer rapidamente nesse momento, além de associação sua marca a práticas ecologicamente corretas”, destaca Gusmão.

Live Eficiência energética para pequenos negócios 

Dia 11 de setembro (sexta-feira), às 10h

Transmissão on-line

Inscrições gratuitas:

https://event.webinarjam.com/register/568/511w8a71