Crédito (fotos): Gil Leonardi/Imprensa MG

Zema destaca união dos Poderes no enfrentamento à pandemia

Crédito (fotos): Gil Leonardi/Imprensa MG

Governador participa de evento da abertura da Semana do Ministério Público 2020.

O governador Romeu Zema ressaltou que a união entre os Poderes em Minas Gerais foi fundamental no processo de enfrentamento ao coronavírus, fazendo com que o Estado apresente a menor taxa de óbitos do país por 100 mil habitantes. Zema agradeceu a parceria entre os órgãos durante a cerimônia de abertura da Semana do Ministério Público 2020, na manhã desta sexta-feira (11/9).

“Nós conseguimos este resultado devido ao trabalho em conjunto com todos os Poderes. Ninguém faz nada sozinho, e nós estamos conseguindo conduzir esta questão tão grave devido a esta união de esforços. Mas não poderia deixar de agradecer o povo mineiro também. Boa parte deste resultado é devido às nossas características, que é um povo mais criterioso, que não se aventura tanto”, afirmou o governador.

Romeu Zema reforçou, ainda, que é o momento de Minas retomar o caminho do desenvolvimento econômico. Ele lembrou da criação do Avança Minas – lançado nesta quinta-feira (10/9), que inclui R$ 1 bilhão em obras e ações de desburocratização.

“Precisamos criar empregos. Desemprego e pobreza também matam. Não é tão fácil de quantificar quanto à covid, mas nós sabemos das sequelas psicológicas, da falta de esperança que pode acometer um povo que vive eternamente em uma crise econômica. Nós transformamos Minas Gerais no estado onde o empreendedor, aquele que investe e gera empregos, vai ter menos dificuldades do Brasil, e isso é fundamental”, finalizou.
Semana do MP

A Semana do MP tem como tema principal “MPMG e direitos fundamentais: desafios da pandemia”. O procurador-geral de Justiça do Estado de Minas Gerais, Antônio Sérgio Tonet, destacou a importância do tema, que atinge duramente a saúde, o emprego, a educação e a economia. Segundo ele, a atuação do Poder Público se torna ainda mais necessária.

“Esta postura do MPMG, atuando em conjunto e em sintonia com as outras instituições públicas e privadas, tem sido fundamental para o enfrentamento da crise, principalmente na proteção da saúde pública, com a observância de medidas de isolamento social, tudo em sintonia com o regramento do retorno das atividades econômicas de forma gradual, responsável e segura”, pontuou Tonet.

O evento também marcou a inauguração do Edifício Promotora de Justiça Iracema Tavares Dias Nardi – nome da primeira promotora de Justiça de Minas Gerais. O imóvel possui 15 andares e 7.000 m² de área útil e irá abrigar as unidades do MPMG que ocupam imóveis alugados em Belo Horizonte, proporcionando uma redução de custos superior a R$ 4 milhões por ano.

Haverá, por exemplo, para a área criminal, salas próprias para oitivas e para reconhecimento de suspeitos. Já para o Procon, haverá salas de aula destinadas às capacitações, bem como espaços para o recebimento de denúncias.
Homenagens

Durante a cerimônia ainda foi realizada a entrega da Medalha do Ministério Público Promotor de Justiça Francisco José Lins do Rego Santos. O presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Agostinho Patrus, foi o orador e agraciado com o Grande Colar. Ele também ressaltou os entraves enfrentados neste momento de pandemia.

“Diante de um dos maiores desafios da nossa história recente, momento em que os gestores públicos são desafiados diuturnamente, o reconhecimento ao trabalho institucional se torna um bálsamo, e reforça o compromisso feito diante da população de presidir um parlamento eficiente, participativo e plural, atento àqueles que mais necessitam de representatividade”, disse Agostinho Patrus.

Veja também

Concluída centralização de testes imunohematológicos de doadores de sangue

 

Romeu Zema lança Avança Minas para estimular investimentos e empregos