Bombeiro captura Cascavel em Itabira

A cobra Cascavel estava em frente a um supermercado, e foi capturada pelos Bombeiros Militares na noite desta sexta-feira (18/09), no Bairro Gabiroba, em Itabira. 

O local é muito movimentado por várias pessoas que fazem caminhada e fica perto de uma rede de supermercados. O réptil foi avistado por pessoas que passavam pelo local, um rapaz acionou a corporação pelo telefone de emergência 193. A equipe do Corpo de Bombeiros, com o auxilio de um cambão e um gancho, capturou a cobra Cascavel, que posteriormente, será solta no seu habitat natural.

A cobra cascavel é a segunda serpente mais venenosa do Brasil. Seu veneno é muito potente e ela geralmente é encontrada em cores terrosas com formatos de losangos e hexágonos pelo corpo. A cascavel vive em cerrados, campos e pastagens de diversas partes do Brasil.

O nome científico de uma das espécies de cascavel é Crotalus durissus.Ela pertence à família Viperidae, da ordem Squamata e classe Reptilia. Existem cerca de 33 espécies e 70 subespécies da cobra cascavel no mundo, mas somente cinco dessas últimas são encontradas no Brasil:

A cascavel possui um guizo que emite um som parecido com um chocalho e é usado para afastar predadores. Esse guizo é formado pela própria pele da cobra que vai se acumulando e formando anéis a cada troca, por isso a quantidade de anéis significa a quantidade de vezes que ela trocou de pele e não a quantidade de anos que ela tem, como muitas pessoas pensam.

A cascavel tem um bote muito rápido e sua dentição possui duas presas inoculadoras de veneno na parte anterior do maxilar superior e por isso é chamada de solenóglifa.

As cascavéis possuem ainda dois órgãos localizados entre o olho e a narina chamados de fossetas loreais ou lacrimais que permitem que ela detecte suas presas através do calor.

Ela tem hábitos noturnos e quando é jovem se alimenta basicamente de lagartos, mas na fase adulta prefere mamíferos, como pequenos roedores, e aves. A digestão das cascavéis é bem lenta e por isso podem ficar dias sem se alimentar.

Elas podem viver até 20 anos.

Cobra cascavel filhote
Os filhotes da cobra cascavel já nascem venenosos e independentes. Eles ficam no interior da mãe durante 3 meses e a cada ninhada podem nascer de 6 a 60 filhotes. Quando nascem a mãe os liberam na natureza e eles precisam se manter sozinhos.

No início os filhotes só possuem um anel no final da sua cauda, mas depois das primeiras trocas de pele o guizo já começa a se formar e emitir o som característico de chocalho.

Veneno da cobra cascavel – Como é a picada de cobra cascavel?

A picada de cobra cascavel não dói, mas causa sérios danos à saúde da vítima. O veneno da cobra cascavel pode ser:

Hemotóxico – que age destruindo os glóbulos vermelhos do sangue;

Neurotóxico – que afeta o sistema nervoso e causa sintomas como dificuldade visual, fraqueza muscular, sonolência, dificuldade respiratória, sudorese e outros sintomas.

O correto a se fazer quando é picado pela cobra é dirigir-se o mais rápido possível para uma unidade de saúde mais próxima e, se possível, levar a cobra para que o médico verifique e aplique a medicação correta.

Enquanto estiver esperando socorro é importante se manter calmo e o mais imóvel possível para evitar que o veneno se espalhe mais rápido pelo corpo.

Os soros usados para combater o veneno da cobra cascavel são o anticrotálico, anticrotálico-botrópico e o antiofídico polivalente.

Fonte: ItabiraOnline