Crédito (fotos): Pedro Gontijo/Imprensa MG

Romeu Zema participa de lançamento do Faemg Digital

Crédito (fotos): Pedro Gontijo/Imprensa MG

Faemg Digital é um sistema de simplificação no agronegócio. Nova ferramenta oferece a produtores rurais mais agilidade e menos burocracia no pagamento de taxas junto ao IMA.

O governador Romeu Zema participou nesta terça-feira (22/9), em evento virtual, do lançamento do Faemg Digital, sistema tecnológico voltado exclusivamente à agricultura e pecuária, que significará mais agilidade e menos burocracia nos negócios do setor.

A nova ferramenta, inédita no país, vai auxiliar na gestão da propriedade rural e facilitar o pagamento de taxas de serviços prestados pelo Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA). A solução tecnológica será gerenciada pela Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais (Faemg), a partir de um sistema integrado à base de dados do IMA.
Desburocratização

Romeu Zema ressaltou a importância de se avançar na desburocratização de medidas que beneficiem o produtor rural e, consequentemente, a produção no estado.

“É uma satisfação ver o estado avançando no que diz respeito a simplificar a vida do produtor rural. Minas Gerais depende muito do agronegócio, então nós temos que dar total apoio ao produtor rural. Estamos aqui justamente para simplificar, para demolirmos os obstáculos que foram criados nas últimas décadas”, afirmou.

Zema disse, ainda, que o objetivo de mais essa iniciativa do governo, por meio de parceria entre a Faemg e o IMA, é facilitar a vida de quem gera emprego e renda.

“O que nós queremos é que este produtor que levanta cedo e trabalha o dia inteiro se ocupe produzindo, e não atendendo burocracia que o Estado acaba muitas vezes criando de forma desnecessária”, finalizou.

Modernização

A principal vantagem para os produtores é ter à sua disposição uma ferramenta de facilitação de pagamentos para emissões de documentos sanitários exigidos em operações de comercialização de animais e produtos agropecuários.

A secretária de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Ana Valentini, destacou a importância da medida neste momento de retomada econômica de Minas Gerais, reforçando a parceria com os produtores mineiros.

“É mais uma ferramenta que vem ajudar no processo de produção no estado, ainda mais em um momento como este de retomada das atividades, em que a nossa pecuária tem alcançado expressivos aumentos na produção e exportação. Nosso governo está aqui para ajudar e incentivar a produção”, disse.

Conta digital

Junto com o Faemg Digital, nasce também a conta digital, que vai oferecer aos produtores rurais uma série de vantagens, como isenção de tarifa de manutenção de conta e de transferência entre contas, pagamento de taxas, facilidade na abertura de conta e operações por meio de cartão de crédito.O produtor poderá pagar diretamente do seu celular o GTA (Guia de Trânsito Animal) e gerar e pagar DAE (Documento de Arrecadação Estadual).

O presidente do Sistema Faemg, Roberto Simões, comemorou a implementação do sistema, inédito no Brasil.

“É uma nova era que a gente inaugura no sentido da modernização, da digitalização dos processos e com o objetivo de simplificar. Os pagamentos e recebimentos através deste sistema têm custo muito mais baixo do que os bancários comuns. Será um benefício muito bem recebido por todos porque realmente significa mais rapidez, mais comodidade e menor custo”, afirmou.

Também participaram da cerimônia, de forma virtual, o diretor-geral do IMA, Thales Fernandes, e o vice-presidente do Sistema Faemg, Breno Mesquita.