Divulgação

Dia Municipal do Conciliador e Mediador é aprovado

O Plenário da Câmara aprovou, em primeiro turno, nesta terça-feira (20) projeto que “institui o Dia Municipal do Conciliador e Mediador”, a ser comemorado na terceira quinta-feira do mês de outubro. A matéria é de autoria do vereador Luciano Sobrinho (MDB) que destacou que a conciliação e mediação de conflitos são ações que merecem mais destaque, já que evitam processos judiciais. Além disso, segundo o vereador, a conciliação promove a paz ao evitar conflitos de qualquer natureza. “A conciliação é sempre a melhor saída para qualquer tipo de conflito. Além do mais, evita-se gastos com processos judiciais, desgastes pessoais desnecessários e a promoção da paz em todos os sentidos”, destacou Sobrinho.

O Dia Municipal do Conciliador e Mediador segue a data do Dia Mundial da Resolução de Conflitos. A data foi criada em 2005 pela Association For Conflict Resolution. O objetivo é apelar aos cidadãos para recorrer à mediação, à arbitragem e à conciliação para a resolução de conflitos, sublinhando as vantagens da resolução pacífica.

A mediação e a conciliação são métodos alternativos de solução de conflitos que contribuem para o restabelecimento de relações de confiança, o envolvimento direto das partes na solução do litígio (o que traz satisfação a elas) e a efetividade do cumprimento de um eventual acordo.

A mediação é uma forma de solução de conflitos na qual uma terceira pessoa (neutra e imparcial) facilita o diálogo entre as partes – o mediador possibilita que elas construam, com autonomia e solidariedade, a melhor solução para o conflito. As partes têm autonomia para buscar soluções adequadas aos seus interesses e necessidades.

A conciliação é um método utilizado em conflitos mais simples, nos quais não existe relacionamento duradouro entre os envolvidos. O conciliador, também neutro e imparcial, pode adotar uma posição mais ativa e sugerir opções de solução para o conflito.