PM e PC prendem suspeito de abusar dos próprios filhos

Uma operação das Polícias Civil e Militar no cumprimento de mandado de busca e prisão, na cidade de Rio Vermelho, no Leste do estado, onde o mandado de prisão preventiva foi contra um homem, de 49 anos, suspeito de estuprar e ameaçar a própria filha, desde quando a filha tinha 13 anos de idade. Ele também é investigado pelo crime de satisfação de lascívia mediante a presença de seu outro filho, de 10 anos.

As investigações tiveram início após denúncia anônima, na qual foram relatados abusos sexuais por parte do homem. Durante a apuração, foi verificada a procedência das informações, sendo constatados claros indícios de que o suspeito, pai de oito filhos, estava praticando crimes sexuais contra esses. Uma das filhas, de 19 anos de idade, teria sido molestada desde os 13.

Diante dos fatos, a PCMG representou pela prisão preventiva do suspeito e a medida foi deferida pela Justiça. “A prisão dele é importante para que a integridade sexual das vítimas fosse assegurada, bem como para que outros elementos de informação sejam formalizados sem coação por parte do investigado, que é pai das vítimas e morava na mesma casa com elas”, ressalta o delegado Sávio Assis Machado Moraes.

Ainda de acordo com Moraes, no ano de 2014, também no município de Rio Vermelho, o suspeito foi investigado, inclusive preso preventivamente, em virtude de crime de estupro de vulnerável, que teria sido praticado contra outra filha que, à época, tinha 14 anos.

O suspeito foi encaminhado ao sistema prisional e se encontra à disposição da Justiça. As investigações prosseguem pela PCMG.