Itabira disponibiliza estrutura para atender moradores de Santa Maria

Prefeitura de Itabira disponibiliza ampla estrutura para atender moradores de Santa Maria. Prefeito Marco Antônio Lage voltou ao município vizinho nesta quarta-feira (24).

Crédito (fotos): Acom/PMI

Desde o último domingo (21), quando as fortes chuvas castigaram Santa Maria de Itabira, a Prefeitura de Itabira tem se esforçado ao máximo para tentar amenizar o sofrimento da população do município vizinho. Por designação do prefeito Marco Antônio Lage, uma ampla estrutura foi disponibilizada à cidade com cerca de 11 mil habitantes.

O prefeito de Itabira retornou a Santa Maria de Itabira nesta manhã de quarta-feira (24) para acompanhar de perto os trabalhos das equipes do município. Ele participou de uma reunião com a coordenação local e a Defesa Civil Estadual para alinhar estratégias. As ações envolvem desde o trabalho social, com recolhimento e envio de mantimentos e outros utensílios ao atendimento às famílias atingidas, além de auxílio com veículos de transporte, limpeza urbana, análises estruturais, produção de alimentação e outras demandas mais urgentes.

“Agradecemos imensamente a generosidade do povo itabirano, que continua sendo manifestada em doações recebidas na sede do Corpo de Bombeiros e são geridas pela Prefeitura. Temos uma equipe fazendo a acolhida e registro desses donativos que serão entregues à Santa Maria de acordo com a demanda do município. Além disso, não estamos medindo esforços para minimizar o sofrimento daquelas pessoas atingidas pelos alagamentos e desmoronamentos. Continua aquela recomendação de que devemos agir como se os problemas fossem em Itabira”, finalizou Marco Antônio Lage.Auxilio

“A equipe de Itabira está colaborando em várias frentes. Fazemos reuniões pontuais e, assim, estamos conseguindo juntar os vários núcleos de trabalho, traçar metas e atender pontualmente as áreas mais urgentes”, explicou o diretor-presidente da Empresa de Desenvolvimento de Itabira (Itaurb), Danilo Alvarenga Freitas, que desde o domingo auxilia os trabalhos em Santa Maria de Itabira.

Entre as ações dos servidores itabiranos, está a catalogação das doações e redirecionamento para as áreas consideradas mais emergenciais, além de um levantamento de todo o estrago urbanístico causado pela chuva. A decisão aconteceu após um pedido do prefeito de Santa Maria, Reinaldo das Dores Santos.

“Gostaria de deixar bem claro o quanto é fundamental o apoio da Prefeitura de Itabira, com seu efetivo e maquinário, neste momento de caos e de retomada de serviços. É uma sinergia de recursos humanos e instrumentais para que a gente possa trazer o município de novo para uma situação de controle. Não temos palavras para agradecer a disponibilidade do prefeito Marco Antônio Lage e de toda sua equipe. Sem o apoio incondicional de Itabira e cidades vizinhas, ficaria difícil de assumirmos o controle operacional aqui”, declarou o chefe de Gabinete e coordenador da Defesa Civil de Santa Maria, Eduardo Martins Santos.

Assistência social

O secretário municipal de Assistência Social de Itabira, Elson Alípio Júnior, deslocou um efetivo de 30 pessoas (deste total, 25 são técnicos – assistentes sociais e psicólogos) para atuar em duas situações socioassistenciais de apoio humanitário: auxílio na organização dos abrigos provisórios e as frentes avançadas em locais de difícil acesso. Até o momento, o quadro de servidores já conseguiu contabilizar o número de pessoas desabrigadas, quem são elas e o quantitativo de homens, mulheres e crianças alocadas nos três abrigos provisórios.

“A organização dos abrigos provisórios foi uma necessidade que encontramos assim que chegamos. Após a coleta de dados, detectamos que 79 pessoas estão sendo acolhidas nestes abrigos. Precisamos criar um manual de regras de convivência, fazer a gestão dos acessos e o processo de escuta dessas famílias e de retomada de trajetória de vida com elas”, disse Elson Júnior.

O secretário também explicou sobre o trabalho desenvolvido nos locais de difícil acesso e que contam com o apoio dos bombeiros civis e dos voluntários da Cruz Vermelha. “Estamos fazendo um levantamento com as famílias que foram afetadas e ainda estão desalojadas. Temos pessoal em campo levantando as necessidades, fazendo o processo de escuta e cadastramento dessas famílias, além, é claro, do apoio humanitário e entrega das doações de alimentos, produtos de higiene e limpeza”.

Elson Júnior ainda ressaltou que é necessário que os itabiranos continuem contribuindo com a população de Santa Maria, uma vez que as dificuldades no local ainda persistem. Segundo ele, há grupos organizados, formados por empresários, atuando para prover comida pronta aos desalojados santamarienses. “A necessidade nos abrigos provisórios é de dois mil marmitex na hora do almoço e mais mil para o jantar. Há uma gestão dessas refeições e quem puder colaborar, deve fazer contato para que não haja desperdício de esforços nesse momento”. O telefone para contato é o (31) 98743-2606 (Renata).

Saiba mais

Atualmente, as equipes de trabalho da Prefeitura de Itabira em Santa Maria contam com:

– quatro roçadores e 15 auxiliares para varrição e limpeza das ruas (Itaurb);

– uma caminhonete, três motoristas, dois servidores, três agentes de trânsito e um diretor de engenharia (Secretaria Municipal de Obras, Trânsito e Transportes);

– duas caminhonetes e dois motoristas (Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano);

– um servidor (Secretaria Municipal de Esportes, Lazer e Juventude);

– 30 profissionais, entre técnicos (assistente sociais e psicólogos) e servidores administrativos (Secretaria Municipal de Assistência Social).

As equipes contam ainda com motoristas, assistentes administrativos e auxiliares de limpeza da Secretaria Municipal de Administração.

Veja também

Prefeitura de São Gonçalo envia primeiras doações a Santa Maria

Levantamento alerta para risco de surto da dengue em Itabira

Santa Maria (24/02/21): Eduardo Martins atualiza danos causados pela chuva