Luiza Trajano apresenta movimento para vacinar 70% dos brasileiros

Anúncios

A empresária Luiza Trajano, presidente do Conselho de Administração da rede varejista Magazine Luiza, apresentou formalmente nesta quinta-feira (8), em transmissão online promovida pelo Grupo de Líderes Empresariais (Lide), o movimento Unidos pela Vacina.

Criada em setembro pelo grupo Mulheres do Brasil, também presidido por Trajano, trata-se de uma iniciativa que busca acelerar o Programa Nacional de Imunização (PNI) contra a Covid-19 pelo Sistema Único de Saúde (SUS) através do esforço conjunto de ONGs, especialistas e executivos brasileiros de diversos setores, como Walter Schalka, presidente da Suzano, Paulo Kakinoff, presidente da Gol Linhas Aéreas, e Marcelo Silva, presidente do Instituto de Desenvolvimento do Varejo (IDV).

Diferentemente do grupo de empresários que tem atuado pelo direito de adquirir doses de imunizantes para vacinar seus empregados à parte do PNI, o projeto pretende oferecer apoio estrutural e logístico privado para ajudar o governo em pontos sensíveis da campanha, como aquisição de insumos e transporte, armazenamento e aplicação das vacinas pelo país.

“Queremos tornar viável vacinar 70% dos brasileiros até setembro de 2021”, declarou a executiva, na live de ontem, classificando o Programa Nacional de Imunização (PNI) como “muito bem bolado” e apontando o SUS como detentor do “melhor sistema de vacinação”. O Unidos pela Vacina agiria, segundo ela, para suprir demandas identificadas em cada cidade do país, como a necessidade de câmaras frias para manter os imunizantes e de estruturas para realizar vacinação por drive-thru.
Na ocasião, Trajano também defendeu que o movimento não tem interesse comercial. “Não vamos comprar vacina, não vamos cobrar para vacinar”, destacou. “Nesse momento precisamos estar unidos em um só propósito: salvar o mundo salvando o Brasil”, argumentou a empresária.

“Só resolveremos o problema da economia se resolvermos o problema da vacinação”, afirmou Marcelo Silva, do IDV, também presente no evento virtual. “Com pelo menos 70% da população brasileira vacinada, o país começará a voltar à normalidade”, avaliou.

Fonte: administradores, Valor Investe e Época Negócios

 

Auxilio, veja quem recebe neste domingo

Câmara aprova projeto que permite que empresas comprem vacinas