Ilustração/Pixabay

Procon Assembleia ensina uso consciente da energia

Anúncios

Procon Assembleia ensina uso consciente da energia. Bandeira tarifária vermelha provoca aumento nas contas de luz a partir de junho/21.

Ilustração/Pixabay

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) acionou no 1º/6/21 a chamada “bandeira vermelha patamar 2” para as tarifas de eletricidade. Isso significa que o consumidor vai pagar um valor extra de R$ 6,24 para cada 100 kWh consumidos. A justificativa é a falta de chuvas, que reduziu o nível dos reservatórios das hidrelétricas, provocando a diminuição da produção de energia nessas usinas. Com isso, tornou-se necessário o acionamento das termoelétricas, em que a geração é mais cara. Esse aumento de custo é repassado ao consumidor com base nas “bandeiras tarifárias”.
Se não há como fugir do aumento, pelo menos existem maneiras de diminuir o tamanho do prejuízo. O Procon da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) preparou uma lista de dicas para reduzir o consumo de eletricidade em casa e aliviar o susto quando receber a conta. São orientações simples que vão ajudar a evitar o desperdício de energia no dia a dia.

Lâmpadas
Evite deixar luzes acesas em cômodos vazios.
Durante o dia, procure deixar as cortinas recolhidas, de forma a aproveitar ao máximo a claridade vinda do sol, evitando ter que acender lâmpadas.
Prefira utilizar lâmpadas de led, que são muito mais econômicas. Apesar de custarem mais caro, elas têm boa durabilidade e representam economia no médio e longo prazos.
Paredes pintadas com cores claras ajudam a retardar a necessidade de acionamento dos interruptores. Além disso, garantem ambientes mais claros mesmo com o uso de lâmpadas de menor potência.

Ferro elétrico
Esse é um dos maiores gastadores de energia que você tem em casa. Evite ligá-lo para passar poucas peças de roupa, porque ele consome muita eletricidade até se aquecer. O ideal é acumular uma grande quantidade para passar tudo de uma só vez.
Não deixe o ferro ligado sem uso. Quando for passar roupa, não interrompa o serviço até terminar.
Analise se realmente é necessário passar certos tipos de roupas e toalhas. Muita gente já deixou, por exemplo, de passar toalhas e lençóis. Na internet você encontra boas dicas sobre como substituir o ferro elétrico para tirar o amarrotado das roupas.

Chuveiro
Esse é outro grande vilão da sua conta de luz. Aqui a principal dica é evitar banhos demorados, mas você pode reduzir ainda mais seu consumo se deixar a torneira fechada enquanto se ensaboa e usa shampoo.
Procure ajustar seu chuveiro para a menor temperatura que você suportar. Seu bolso e sua saúde agradecem.

Celulares e outros equipamentos eletrônicos
Retire o carregador da tomada quando não estiver usando.
Aparelhos em modo stand-by, apesar de desligados, gastam energia para manter aquela luzinha do painel acesa. Se não os utilizar por muito tempo, desligue-os da tomada.

Geladeira

Evite abrir e fechar a porta da geladeira o tempo todo. O ar frio escapa e ela liga automaticamente de novo para baixar a temperatura.
Nunca seque roupas na grade de trás da geladeira. Além de aumentar o consumo, gotas podem respingar sobre o motor e provocar um curto-circuito.
Não coloque alimentos quentes dentro da geladeira. Isso vai fazer com que ela funcione mais tempo para resfriá-los.
Verifique com frequência a borracha de vedação da porta. Se estiver frouxa, providencie a troca imediatamente.

Cada residência corresponde a uma realidade, portanto as dicas não se esgotam aqui. Se em sua casa há aparelhos de ar-condicionado, por exemplo, você deve analisar se vale a pena ligá-los nesta época. Outras pessoas têm condição de investir em aquecimento solar para o chuveiro e outras torneiras da casa, o que representa uma boa economia no longo prazo. O Procon sugere que cada família faça um mutirão e encontre suas próprias soluções para adotar um consumo mais consciente de energia.

Quaisquer dúvidas do consumidor referentes ao sistema de bandeiras tarifárias devem ser encaminhadas à concessionária de energia elétrica ou à Aneel, pelo telefone 167.