Prefeito visita Funcesi e estreita relações para futuras parcerias

Prefeito visita Funcesi e estreita relações para futuras parcerias. A faculdade criada na década de 90 tem como instituidores a Prefeitura de Itabira, a Câmara Municipal, a Vale e a Diocese Itabira/Coronel Fabriciano.

Na manhã desta terça-feira (15), o prefeito Marco Antônio Lage e uma equipe do governo estiveram na Fundação Comunitária de Ensino Superior de Itabira (Funcesi) para visitar as instalações da faculdade que atua no município desde 1993. Caminhando pelos corredores e prédios da instituição de ensino, a equipe conheceu a infraestrutura oferecida, como salas de aula, laboratórios, biblioteca e os projetos educacionais, dentre eles o Centro de Fisioterapia, que atende a população com procedimentos fisioterapêuticos, e o Serviço de Assistência Jurídica (SAJ), responsável pela assistência judiciária a pessoas que não têm recursos financeiros para arcar com as despesas processuais.

Acompanharam o prefeito o secretário de Auditoria Interna e Controladoria do Município, Maurício Mendes, ex-diretor da instituição, e o assessor de Gestão Programas e Metas, Gabriel Quintão, além do vereador Júlio Rodrigues.

O chefe do Executivo falou da construção de uma cidade melhor e da importância da educação para fazer de Itabira uma cidade desenvolvida sustentavelmente com uma economia diversificada. “A concepção de um projeto educacional de qualidade está dentro do nosso plano de governo. Precisamos desenvolver a cidade para se tornar um polo universitário. Itabira precisa trabalhar todas as vertentes para a diversificação econômica e a educação é, sem dúvidas, uma grande oportunidade. A Funcesi tem uma importante contribuição, pois participa desse movimento pela educação e economia, sendo geradora de receitas para o município”, disse Marco Antônio Lage.

De acordo com o prefeito, a estrutura da Funcesi precisa ser melhor aproveitada com novas parcerias. Um dos projetos sugeridos por Marco Antônio é a elaboração de um plano de assistência com o apoio do setor de fisioterapia para mapear as necessidades da população que já teve a Covid-19 e possa apresentar algum tipo de sequela. “Poucas cidades do interior têm uma faculdade com uma infraestrutura como esta da Funcesi. Além da educação ser uma das vertentes para a diversificação, podemos aproveitar a estrutura para atender a comunidade com serviços de qualidade”, defende.

O presidente da Funcesi, Jorge Borges, agradeceu a visita e demonstrou que a instituição educacional está aberta a parcerias para favorecer a comunidade onde atua. “Essa visita do prefeito é muito importante para a Funcesi, é bom que ele tenha uma visão da instituição que vive dentro da comunidade itabirana e está disposta a contribuir para alavancar a cidade para o futuro. E nessa parceria Funcesi e Prefeitura quem vai sair ganhando é a população de Itabira”, declarou.

Flávia Pantuza, diretora-geral da Funcesi, destacou a visão de mundo do prefeito como um gestor que se preocupa com a cultura e educação no desenvolvimento da cidade. “Trazer o Marco Antônio aqui abre portas para que a Funcesi possa desenvolver junto à Prefeitura vários projetos. É importante que ele veja e se atente as possibilidades de mão dupla para o município e para a instituição. A Funcesi é uma fundação comunitária, portanto só faz sentido se o produto chegar até a comunidade. Este momento foi importante para ver que existem possibilidades de trazer mais benefício para a comunidade”, finalizou.

Veja também

59 a 57: Vacinação de pessoas sem comorbidades começa quinta

Marco Antônio empossa membros do Consea