Acom/FCCDA

Exposição “Raízes” mostra força cultural itabirana

Anúncios

Exposição “Raízes” mostra força cultural itabirana

Acom/FCCDA

Um breve resgate histórico dos Festivais de Inverno de Itabira e da Fundação Cultural Carlos Drummond de Andrade (FCCDA), a exposição “Raízes” homenageia, também, duas personalidades de extrema importância tanto para o desenvolvimento cultural regional, quanto para a criação da FCCDA: Myriam Brandão e Dr. Jairo Magalhães.

A abertura da mostra aconteceu na tarde desta quinta-feira (15), na galeria da Fundação Cultural Carlos Drummond de Andrade e contou com a participação de representantes da sociedade civil, da cultura, da política, do Governo Municipal e de familiares dos homenageados.

De acordo com o superintendente da FCCDA, Marcos Alcântara, a exposição “Raízes” promove um resgate histórico da história da cultura itabirana para que ela seja celebrada e nunca esquecida. “A exposição traz essa história de luta e de força que Itabira pulsa na cultura, desde a década de 70 até os tempos atuais. Homenagear duas pessoas que, durante a Ditadura Militar, tiveram a ousadia de construir uma casa de espetáculos. É fundamental que Itabira seja conhecida pela sua presença marcante nas manifestações artísticas e culturais”, destacouPresente no evento, o prefeito de Itabira, Marco Antônio Lage, parabenizou o trabalho da Fundação Cultural Carlos Drummond de Andrade e ressaltou o compromisso da Gestão Municipal em promover ações de fomento à cultura regional. “Essa exposição homenageia duas figuras fundamentais e inspiradoras para a cultura de Itabira. Mesmo durante a Ditatura Militar, a construção do Centro Cultural e a criação do Festival de Inverno foram um resgate à esquecida cultura itabirana”.

Na edição deste ano do Festival de Inverno de Itabira ocorreu a entrega do prêmio Carlos Drummond de Andrade – categoria que homenageia figuras de relevância para a cultura itabirana. O prêmio foi entregue às famílias de Myriam Brandão e de Dr. Jairo Magalhães.

A exposição estará disponível para a visitação ao longo de toda a edição do Festival de Inverno de Itabira.Sobre os homenageados

A 47ª edição do Festival de Inverno de Itabira conta, pela primeira vez, com homenagem a figuras relevantes para o fomento da cultura regional. Nesse ano, os homenageados foram: Myriam de Souza Brandão e Jairo Magalhães.

Professora de formação, Myriam foi uma das maiores gestoras da cultura itabirana. Em 1974, durante a sua gestão, ocorreu o 1º Festival de Inverno de Itabira. Ela teve fundamental relevância na luta pela construção do Centro Cultural, durante o Governo do prefeito Jairo Magalhães Alves. Já Jairo Magalhães, mais conhecido como Dr Jairo, médico cardiologista de formação, trabalhou em importantes Hospitais de Itabira. Como prefeito da cidade, teve o papel de executar a construção, com recursos municipais, do Centro Cultural, atual sede da Fundação Cultural Carlos Drummond de Andrade – instituição de fomento cultural sem fins lucrativos.47ª edição do Festival de Inverno de Itabira

Realizado desde 1974, o Festival acontece tradicionalmente no mês de julho e atrai milhares de pessoas de Itabira e região. Com ampla e diversificada programação, o evento atinge um público variado.

A proposta desta edição é de fortalecimento do setor cultural no período de pandemia, buscando dialogar com as questões políticas, culturais e de resistência cultural, focando nas raízes da cultura regional, dando espaço, particularmente, aos artistas locais.

Ao longo de 22 dias ocorrerão diversas atividades artísticas como: shows musicais, exposições, peças teatrais, dentre outras ações culturais

Para a criação da marca foram usados elementos que ligam a tradição, resistência e força do Festival em resistir ininterruptamente por mais de quatro décadas.

O evento está sendo realizado em modalidade híbrida: presencial e on-line, respeitando todos os protocolos estabelecidos pela Organização Mundial da Saúde (OMS) com relação ao enfrentamento da pandemia de Covid-19 e das ondas do Programa Minas Consciente. Nesse novo formato, a intenção é impactar a cidade com intervenções artísticas individuais, possibilitando que o Festival seja vivenciado pelos itabiranos direto de suas residências.

Esse evento é uma realização da Fundação Cultural Carlos Drummond De Andrade, Prefeitura Municipal de Itabira e tem o patrocínio do Instituto Cultural Vale.

Confira a programação do 47º Festival de Inverno de Itabira: https://cutt.ly/NmHU3ix

Veja também

Itabira registra mais um óbito por coronavírus