Policias Civil e Militar prendem acusados de matar comerciante em Santa Barbará

Anúncios

De acordo com o Delegado Regional Helton /cota Lopes, numa rápida resposta à sociedade, após diligências contínuas, no início da noite desta quarta-feira (11/05), as Polícias Civil e Militar efetuaram as prisões em flagrante dos dois acusados (35 e 47 anos) do latrocínio consumado ocorrido na cidade de Santa Bárbara, área de abrangência da Delegacia Regional de Itabira.

O crime ocorreu logo nas primeiras horas do dia (11/05), ocasião em que a vítima, um comerciante de 52 anos, muito conhecido na cidade, que no momento do crime carregava um caminhão com o objetivo de se dirigir ao CEASA (MG) para fazer compras.

Ao ser abordada por um dos autores, o qual visava subtrair uma quantia em dinheiro que estava em posse da vítima, a mesma reagiu e foi baleada na região do abdômen, não resistindo aos ferimentos, vindo a falecer poucos minutos depois.

Ainda de acordo com Helton costa, nas residências dos autores os investigadores encontraram as roupas e máscara utilizada para o cometimento do crimedelito.

Considerando os diversos elementos colhidos aos autos, o Delegado de Polícia que preside as investigações ratificou as prisões dos investigados nas iras do art. 157, parágrafo 3, inciso II do Código Penal (latrocínio), remetendo-os ao Sistema Prisional, local onde permanecerão à disposição da Justiça.

O Inquérito Policial será concluído no prazo legal na Delegacia de Santa Bárbara e remetido à Justiça, para o prosseguimento da persecução criminal.

Comerciante é morto a tiros na porta de casa em Santa Bárbara