Preso dupla que aplicava golpes em idosos nos caixas eletrônicos

Nessa sexta-feira (9/2), a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG), deflagrou, em Uberlândia, no Triângulo Mineiro, a primeira fase da operação Véritas, que resultou na prisão em flagrante de dois homens, de 38 e 39 anos, suspeitos de furto mediante fraude.

O crime
Segundo apurações, realizadas pela equipe responsável por investigações de fraudes em Uberlândia, os suspeitos se dirigiam a caixas eletrônicos em supermercados e se aproveitavam da vulnerabilidade de pessoas mais velhas, induzindo-as em erro.

Após escolher a vítima, um dos suspeitos se aproximava alegando que o caixa eletrônico estava com problemas e fazia a vítima acreditar que ele estava deixando-a passar na frente dele para usar outro caixa, momento em que viam a senha digitada. Em seguida, o segundo investigado se aproximava e trocava o cartão da vítima, com a desculpa de que o cartão não estava funcionando. Em posse do cartão e da senha os suspeitos realizavam os saques.

Prisão

No momento do flagrante, os policiais localizaram R$ 4.478 com a dupla. No entanto, as investigações apontam que os suspeitos teriam furtado mais de R$ 10 mil. Também foram apreendidos quatro telefones celulares, um veículo, e cartões bancários magnéticos.

Os investigados foram conduzidos à delegacia e autuados em flagrante por furto qualificado, cuja pena poderá chegar a até oito anos de reclusão.

As investigações continuam com intuito de identificar outras ações da dupla.