Foto: Divulgação/PCMG-AL

Suspeito por tentativa de homicídio é preso na capital

Anúncios

Suspeito por tentativa de homicídio é preso na capital

Foto: Divulgação/PCMG-AL

Uma ação conjunta entre as polícias Civil e Militar, nessa terça-feira (10/5), resultou no cumprimento do mandado de prisão temporária expedido contra um homem, de 23 anos, no bairro São Bernardo, em Belo Horizonte. O investigado também foi autuado em flagrante por tráfico de drogas, sendo encontrados com ele 31 pinos de cocaína. Ainda foram cumpridos mandados de busca e apreensão nos bairros São Gabriel e Landi.

No dia 25 de março deste ano, o investigado, juntamente com outros dois suspeitos, teria participado de uma tentativa de homicídio, no bairro Mantiqueira. “Segundo apurado, o trio integra uma facção criminosa do bairro Landi. Em virtude de rivalidades entre grupos criminosos, dirigiu-se ao bairro Mantiqueira, a fim de matar o adolescente de 15 anos, que seria integrante do grupo criminoso rival, profundamente envolvido na criminalidade”, destaca o delegado José Olegário de Oliveira, que coordena as investigações.

Ainda segundo o delegado, “frustrada a tentativa matá-lo [o adolescente de 15 anos], os criminosos saíram pelas ruas do bairro Mantiqueira efetuando disparos a esmo, tendo um dos disparos atingido e transfixado a perna de uma senhora, de 62 anos de idade, que se dirigia a uma padaria”.

Investigações apontam que, em retaliação, criminosos do bairro Mantiqueira, no mesmo dia, foram ao bairro Landi e mataram um jovem de 17 anos, o qual não estava envolvido no conflito. “Tais quais seus rivais, os criminosos efetuaram vários disparos, sendo que um atingiu e matou o adolescente 17 anos, que se encontrava sentado em uma calçada no momento dos disparos”, disse José Olegário, ressaltando que a investigação desse homicídio, devido a limites territoriais, está a cargo da Delegacia Especializada de Homicídio em Ribeirão das Neves.

As investigações sobre a tentativa de homicídio foram coordenadas pelo Núcleo de Prevenção e Repressão aos Crimes de Tentativa de Homicídio (NPRCTH), da 3º Delegacia de Polícia Civil Regional em Venda Nova, com o apoio de policiais militares do 49º Batalhão.

Aproximadamente 15 policiais, civis e militares, participaram da operação.

Prisão

Durante as investigações, a Polícia Civil requisitou à Justiça diversas medidas cautelares, entre prisão temporária e mandado de busca, contra investigados do grupo do bairro Landi. No dia 20 de abril, foi cumprido o mandado de prisão contra um homem, de 28 anos, suspeito de participar da tentativa de homicídio contra a mulher de 62 anos. No dia da prisão ele também foi autuado por porte de arma de fogo e drogas ilícitas.

José Olegário ressalta que o preso tem várias passagens pela polícia, entre roubos, associação criminosa, corrupção de menores e furtos.

NPRCTH

De acordo com o delegado Caio Almeida Martins, o NPRCTH é um projeto piloto, implementado na 3ª Delegacia Regional em Venda Nova. “Esse núcleo foi criado em janeiro para atuar de forma especializada em uma unidade territorial, no caso, a Regional em Venda Nova. Ele foi idealizado no sentido de dar eficiência e uma resposta mais ágil, integrando ações e conjugando esforços juntamente com a Polícia Militar, para o combate à violência na região e, sobretudo, o combate à impunidade. É um projeto que se consolida com os dados na apuração dos casos”, ressalta.

Veja também

Polícia recupera carga de implemento e maquinário agrícola